CARGOS E FUNÇÕES NA FÁBRICA SUERDIECK EM CRUZ DAS ALMAS

A extinta Fábrica de Charutos Suerdieck deixou um acervo de fichas que contêm informações bem interessantes sobre os trabalhadores e trabalhadoras daquela unidade. Um ponto de destaque é com referência aos cargos e funções que esses homens e mulheres exerciam dentro da fábrica. Aparecem nas fichas uma variedade de ocupações, sendo que algumas tinham um maior número de trabalhadores que outras. O cargo/função com maior quantidade era o de charuteira, talvez porque o maior número de funcionários da fábrica tenha sido de mulheres e o trabalho de “enrolar” (manusear) os charutos era uma exclusividade das mulheres.
Algumas outras ocupações encontradas nas fichas:

  • aneladeira
  • trouxeira
  • distaladeira
  • ferração
  • torcida
  • cigarreira
  • quebragem
  • servente
  • carpinteiro
  • balanceiro
  • mudança de caixa
  • banqueiro
  • escolhedor
  • empapeladeira
  • quebra–fardos
  • ajudante–mestre
  • passadeira
  • embalagem
  • capoteiro
  • ajudante de enfermagem
  • banca de capa.

Assim, para cada etapa de elaboração do charuto, havia um tipo de ocupação responsável. (…)

(FONTE: A FÁBRICA DE CHARUTOS SUERDIECK NO RECÔNCAVO BAIANO:MEMÓRIAS E HISTÓRIAS DE TRABALHADORES NA DÉCADA DE 1935 a 1950. PRISCILLA DA SILVA ELOY. UFRB. 2016.)

Publicado por

Edisandro Barbosa Bingre

Escritor, poeta, pesquisador memorialista. Em 2020 foi agraciado pela Câmara de Vereadores com o Título de Cidadão Cruzalmense.